Tal como todo o país, também nós fomos obrigados a alterar rotinas, a permanecer nas nossas casas e reinventar o trabalho. Não nos sendo possível ir para o terreno, por questões de segurança das famílias e dos técnicos, e por questões legais, foi preciso perceber de que forma poderíamos ajudar as famílias, que precisavam de nós mais agora que nunca.

Nunca as famílias foram tão importantes para cada pessoa, como foram nos últimos meses – disso temos toda a certeza.

Foi nesse sentido que aproveitámos as plataformas digitais, não só para as reuniões internas, mas também para estar sempre em contacto com a família.

Ao dia de hoje, é com muita alegria que partilhamos que as visitas às famílias que acompanhamos foram retomadas com toda a segurança necessária. Com a situação vivida nos últimos meses, e dada a fragilidade destas famílias, era cada vez mais urgente o retomar das actividades no terreno. Sentimos que estas famílias precisavam ainda mais de nós, tendo sido o nosso regresso muito bem recebido. E as saudades eram recíprocas!

Com a novidade de todo o equipamento necessário para a protecção da nossa equipa, e com a motivação de sempre, é com muito orgulho e alegria que lhe dizemos que continuamos aqui, a unir para construir.